Receba as notícias mais importantes do dia no WhatsApp. Receba de graça as notícias mais importantes do dia no seu WhatsApp.
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Rio Grande do Sul
Lotes com mais de 107 mil doses de vacina contra a Covid-19 chegaram ao RS
Carregamentos com doses da Pfizer e da AstraZeneca chegaram entre a noite dessa quarta e o início da madrugada desta quinta-feira.
Rádio Guaiba
por  Rádio Guaiba
12/08/2021 09:41 – atualizado há 6 meses
Continua depois da publicidadePublicidade

O Rio Grande do Sul recebeu, entre a noite dessa quarta e o início da madrugada desta quinta-feira, mais 107.710 doses de vacina contra a Covid-19. No começo da noite de ontem, 44.460 doses da Pfizer foram descarregadas no Aeroporto Internacional Salgado Filho, na zona Norte de Porto Alegre. Mais tarde, pouco depois da meia-noite, um segundo avião chegou ao terminal com 63.250 doses da AstraZeneca.

Foto: Felipe Dalla Vale / Palácio Piratini / CP

Os novos lotes de vacinas chegam em um momento em que o Rio Grande do Sul demonstra preocupação com a disseminação da variante Delta do coronavírus. Nessa terça-feira, a Fiocruz confirmou mais quatro casos da cepa, elevando para 15 o total. Além disso, há 49 amostras prováveis que aguardam resultado.

O Rio Grande do Sul contabiliza atualmente 113 surtos ativos de Covid-19, distribuídos em 45 municípios gaúchos. O volume é o menor desde novembro do ano passado, quando o Estado registrou 108 contaminações em investigação. No entanto, os três casos de surtos em hospitais de Porto Alegre ainda não aparecem nesse boletim, visto que foram identificados depois de 4 de agosto.

Ao todo, 1.439 surtos foram encerrados em solo gaúcho desde o início da pandemia. A redução no acumulativo acompanha as quedas de outros indicadores, como a de internações em leitos de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

Os dados, divulgados nesta quarta-feira pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), são referentes à Semana Epidemiológica 30, que se encerrou em 4 de agosto.

Dos 113 surtos ativos, 67 foram reportados em empresas dos ramos industrial, comercial, econômico e administrativo (exceto frigoríficos e laticínios). Ao todo, há 51.852 pessoas expostas ao coronavírus nesses ambientes, dos quais 6.035 (11,6%) já testaram positivo. Nessa categoria, conforme a SES, foram notificados 16 óbitos diretos e 1 secundário em decorrência das contaminações.

Os demais 46 surtos em investigação foram registrados em indústrias destinadas à fabricação de produtos alimentícios (23), instituições de longa permanência com atividades ligadas à saúde humana, administração pública e defesa – com exceção das ILPIs, que atendem pessoas idosas – (10) e, por fim, em ILPIs (13).

De acordo com o boletim, todas as regiões gaúchas já registraram ao menos um surto desde o início da pandemia, sendo Porto Alegre, Caxias do Sul e Passo Fundo as que concentraram, até agora, quase metade do total de ocorrências.

De acordo com os dados, dos surtos identificados até o momento, 329 são reincidentes (21,2%): desses, 249 na primeira reincidência, 62 na segunda, 14 na terceira, 3 na quarta e 1 na quinta.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
você pode gostar...